terça-feira, 11 de agosto de 2009

Doce amor.



Olhe, a maciera está em flor!

Há de se esperar o tempo certo
para dela se comer o fruto

Para que não se azede a vida
há de se esperar que a maça se torne em amor


Etelvina de Oliveira

imagem: site do google
Árvore Florida, de Sou Kit Gom
Tela doada ao Museu de Arte do Palarmento de São Paulo

11 comentários:

Anjo vermelho disse...

Ahh q saudade desses versos essa rimas que me encantam... ^^

estou de volta...

beijos enormes ...

Majoli disse...

Maçã, o fruto proibido que nos atrai e por isso se transforma em amor, amei isso.
Beijos querida, linda noite pra você.

Unseen Rajasthan disse...

Great post..Enjoyed this..Thanks for sharing.Unseen Rajasthan

Everson Russo disse...

E que essa maçã nas so se torne amor como tambem floresça por todo o Eden de nossas vidas....beijos na alma e um lindo dia...

Uma aprendiz disse...

Oi, moça

sinte saudades também.

beijos, anjo

Uma aprendiz disse...

Obrigada, Majoli

por suas visitas e seu carinho.


beijos e uma quinta maravilhosa pra ti

Uma aprendiz disse...

Oi, Unseen

que bom que tenhas voltado.

Obrigada.

beijo

Uma aprendiz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Uma aprendiz disse...

Oi, Everson

só posso agradecer seu carinho e seus comentarios sempre tão gentis comigo.


beijos

Deusa Odoyá disse...

Olá minha querida amiga.
Etelvina, adorei esse seu blog, entro sempre em evite rugas, mas esse é sensacional também.
Fique na paz.
Beijinhos doces.
Uma semana abençoada para vc.
Regina Coeli.

Uma aprendiz disse...

Que bom, Regina

volte mais vezes, será um prazer.


beijão